Referência:

Combinação de cores

Profissionais explicam como usar dois ou mais tons fortes no mesmo ambiente.

Gosta de cores, mas ainda não teve coragem de pintar as paredes de casa? Seis arquitetos, artistas plásticos e consultores de imagem mostram aqui combinações que dão certo e explicam o poder de cada tom. Você pode copiar as misturas sugeridas ou, ainda, criar uma nova, com os seus favoritos. Inspire-se e ouse:

1-cj694decoandrea_204

Roxo + Azul
A moradora Fabiana Salvadori queria uma decoração feminina e com a sua cara, após terminar um casamento de doze anos. Normalmente reservado aos tons neutros, o quarto é um dos ambientes mais vibrantes da casa. “Contratei a arquiteta Andrea Murao justamente porque ela sabe ousar. Dei carta branca”, conta. A profissional apostou em uma parede roxa. A roupa de cama mistura a cor com o rosa. Para não ficar infantil, ela entrou com o azul. Ele aparece no criado-mudo e na cabeceira, estofada com patchwork de diferentes tons de jeans. “Para ser feminino, um projeto não precisa ser romântico”, diz Andrea.

2-cj695_cores_93

Amarelo + Vermelho
Na sala de jantar da pintora Verena Matzen, uma parede com tinta na cor amarelo-ocre foi capaz de transformar tudo ao redor. “Os tons de ocre são quentes, luminosos e brilham ainda mais com o sol”, explica a pintora, que encontrou referências no Mar Mediterrâneo para a escolha da cor. Por não ter medo de ousar, Verena colocou sobre o aparador dois abajures que somam o verde e o vermelho. Em tons escuros, eles balanceiam o brilho do amarelo. Na foto, o cão galgo da família, Sheik.

3-cj685decodiogo_103

Amarelo + Cinza
“Amarelo me faz bem.” É com essa frase que o arquiteto Diogo Oliva olha para sua geladeira e justifica a escolha do tom, presente também na banqueta e nas cadeiras. Integrada à sala, a cozinha teria tudo para ser sisuda: marcenaria e pastilhas pretas, cimento queimado no chão. Mas ali está o amarelo, fazendo graça, abrindo o apetite, provocando alegria. Ao mesmo tempo em que essa cor cintila, há ao lado um vizinho introspectivo: o cinza arroxeado, cuja missão é apaziguar as ansiedades e, diriam os estudiosos, transmutar energias. Masculino e contemporâneo, o apartamento põe em prática um jeito assertivo de usar as cores na decoração: só as favoritas em lugares específicos.

4-cj685_tijolos_212

Azul + Amarelo + Vermelho
A parede de tijolos aparentes já existia no terraço do consultor de imagemGeovane Pedro de Bertoli. Ao fechar parte da área para criar a sala, ele resolveu pintá-la. “Inspirado nos filmes do espanhol Pedro Almodóvar, escolhi este azul”, diz. A cor faz um contraste dramático com outros tons fortes: o vermelho das prateleiras e o amarelo do teto. Esta combinação é apenas para os ousados, mas dá muito certo. Repare que todas as cores são primárias.

4-cj685_tijolos_212

Amarelo + Vermelho
Exuberante. Esta é a melhor palavra para descrever o arquiteto Leo Romano e a casa que ele construiu somente para si. “Faz parte da inquietude do profissional experimentar as possibilidades em sua casa”, diz. De tão inquieto, ele muda todo ano as cores da fachada. Mas nunca havia mexido nos interiores. Desta vez, resolveu colori-los. “O verde da mata, que é visto pelas paredes de vidro, completa as cores primárias. Ficou tudo amarrado e acolhedor”, explica. No quarto, as paredes amarelas ganharam armários vermelhos.

6-cj676cozinhas_153

Roxo + Vermelho + Verde
A mistura é mais que inusitada, de chocar qualquer monocromático. Ladrilhos roxos, bancada cor-de-rosa, armários vermelhos e piso amarelo. A cozinha de Ana Paula Yazbek é um banquete para quem ama cores. “Ela queria uma casa feliz”, diz a arquitetaAdriana Yazbek. Ela abusou porque viu que o apartamento tinha bastante luz natural, o que favorece as cores. O ponto de partida foi o ladrilho estampado em tons que a moradora ama. A mistura de rosa e vermelho foi sugestão da profissional e o piso de cimento queimado amarelo cria a base de contraste. E tem mais: a moradora acredita que as cores influenciam o espírito de quem entra ali. “As pessoas ficam à vontade”, resume.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>